ESPECTÁCULO  FOTOGRAFIAS  IMPRENSA


UMA FAMÍLIA PORTUGUESA, de Filomena Oliveira e Miguel Real

É uma extraordinária revisão da matéria dada a lição de teatro com que Cristina Carvalhal nos presenteia na sua mais recente encenação. (...) É neste microcosmos simbólico que a imparável equipa de actores se move,muitíssimo bem coordenados nos movimentos com que cruzam o espaço, sob a vertigem que se suspende à beira de um comovente final em que nos confrontamos com «o ficarmos sós»."  

Rosário Anselmo in Visão 8/04/2010

" (...) o exemplar desempenho de José Maria Pinto, Luísa Salgueiro , Bruno Simões, Carlos Alvarez e a representação inspirada da velha doida por Teresa Faria (...) Cristina Carvalhal criou, como uma espécie de fábula, um belo fresco sobre o Portugal  que preferíamos já não ser mas em que no fundo continuamos – apesar das aparências."

Rui Monteiro in Time Out 07/04/2010


(...) Com a habilidade extraordinária de nunca prender o espectáculo a nenhum momento histórico preciso nem a nenhuma personalidade concreta, é evocada toda a história nacional do pós-25 de Abril, fazendo-se desta família portuguesa uma pujante alegoria fársica para Portugal. Assim, todos estes temas são traçados com um humor triste e com uma rude ironia, num exercício que provoca o riso mas que exige, ao mesmo tempo, verdadeira capacidade de encaixe. E, nisto, o trabalho dos cinco actores é perfeito, aliando composição com comentário, densidade com dinamismo(...)

 Rui Pina Coelho in PÚBLICO 12-04-2010